Mukhero: comércio informal trans-fronteiriço entre Moçambique e a África do Sul

Albert Farré (Universidade de Brasília – PNPD-CAPES)

18h00 – Auditório C104 – ISCTE-IUL – 30 de abril

Em 2014 a maior parte dos alimentos necessários para abastecer a cidade de Maputo continua a ser importada, principalmente por mulheres. Focar-se-á nas diferentes associações de comerciantes que surgiram em Moçambique, e a diferente capacidade de cada uma delas para mediar com as autoridades políticas.

Albert Farré é pós-doutorando no Departamento de Antropologia da Universidade de Brasília (PNPD-CAPES). É investigador externo do CEI-IUL, e do Human Economy Programme da Faculdade de Humanidades da Universidade de Pretoria.

 

Screen Shot 2014-04-28 at 12.20.12

 

Temas: