Seminário de Estudos Internacionais
Reflexões sobre o Papel de Portugal no Processo de Formação do Pensamento Diplomático Brasileiro

Sérgio Eduardo Moreira Lima
Presidente da Fundação Alexandre de Gusmão – FUNAG

Aud. Caiano Pereira, ISCTE-IUL

Sobre Sérgio Eduardo Moreira Lima:
Graduado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e membro licenciado da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Foi “Brazilian Student Leader” da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA). Diplomata de carreira, formado pelo Instituto Rio Branco, onde fez também os cursos de Aperfeiçoamento (CAD) e Altos Estudos (CAE). Concluiu mestrado em Direito Internacional Público na Universidade de Oslo. Serviu na Missão do Brasil nas Nações Unidas e nas Embaixadas em Washington, Lisboa e Londres. Foi Embaixador em Tel Aviv (cumulativo com Ramallah), Oslo e Budapeste. Dentre as funções na Secretaria de Estado, foi Assessor do Ministro de Estado, Chefe da Divisão de Agricultura e Produtos de Base (ocasião em que foi eleito e reeleito Vice-Presidente e Presidente do Conselho Governamental do Fundo Comum de Produtos de Base das Nações Unidas), Secretário de Controle Interno e Diretor do Instituto de Pesquisa de Relações Internacionais (IPRI). Atualmente, é Presidente da Fundação Alexandre de Gusmão (FUNAG). Suas publicações incluem “A Time for Change” (2006), “Imunidade Diplomática – Instrumento de Política Externa” (2004), “The Expanding Powers of the UN – Security Council and the Rule of Law in International Relations” (2009), “A Reflection on the Universality of Human Rights – Democracy and the Rule of Law in International Relations” (2009) e “Diplomacia e Academia: o IPRI como instrumento de política externa” (2014). Recebeu, entre outras, a Grã Cruz da Ordem de Rio Branco e comendas do Mérito da França, Noruega, Hungria, a Ordem de Cristo de Portugal e a Royal Victorian Order do Reino Unido.

Entrada livre

Link alternativo