Activisms in Docs#7

documentários: CASALATA & NÃO PARTAM A MINHA CASA

conversa com RITA SILVA (Habita)

ENTRADA LIVRE

CASALATA
Cabo Verde, 2013
realização Ângelo Lopes e Lara Plácido

O elevado custo da construção, a inflação na habitação e nos terrenos destinados a este uso, paralelamente com o desemprego existente, impossibilitam a compra ou arrendamento de uma casa em Cabo Verde, incitando o aumento da construção ilegal, na maioria das vezes a única opção das famílias carenciadas terem um abrigo para [sobre]viver. Será esta ilegalidade crime?

NÃO PARTAM A MINHA CASA
Angola, 2011
realização OMUNGA

Mais de quatro mil famílias desalojadas vivem no bairro de Bagdad, em Luanda, capital de Angola. Outras centenas viram suas casas serem partidas por tropas do governo provincial no Lubango, em Huíla, sem ao menos terem tempo de se instalarem adequadamente em outra morada. Os jovens que moram na feira do Compão, no Lobito, Benguela, temem perder suas casas. O documentário apresenta histórias de angolanos que de uma hora para outra viram suas casas partidas. Com elas, partiram-se os sonhos, os empregos, a dignidade.

A seguir aos documentários – conversa com RITA SILVA (colectivo HABITA)

Uma actividade no âmbito do projecto Activisms in Africa.

Apoios: CEI – IUL | Largo Residências