Qualificações Académicas

Doutoramento em Ecology (Human-Environment Interactions specialization), 2009 – Colorado State University – Fort Collins, USA

B.Sc. (Hons) Wildlife Management, 1998 – Centre for Wildlife Management, University of Pretoria, Pretoria, África do Sul

Licenciatura em Biologia Aplicada aos Recursos Animais, 1998 – Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa, Lisboa, Portugal

Resumo Biográfico

A minha investigação tem como enfoque os sistemas socio-ecológicos Africanos e o seu conhecimento por parte de comunidades dependentes dos recursos naturais. Durante o meu doutoramento (Colorado State University, USA) investiguei os modelos culturais de relações entre humanos e fauna selvagem, e seus valores não-económicos, numa sociedade pastoral em transição, os Massai, no sul do Quénia. No cruzamento entre a antropologia ambiental e a ecologia política, a minha investigação pós-doutoral  foca-se nos discursos ambientalistas, nas políticas de conservação da biodiversidade e nos conflictos por acesso aos recursos naturais dentro de um parque nacional na Guiné-Bissau. Em projectos de investigação mais recentes sobre o conhecimento local das alterações climáticas e outras alterações sócio-ambientais em comunidade de pastores no Quénia e de agricultores na Guiné-Bissau, tenho procurado envolver membros das comunidades locais enquanto colaboradores através de métodos de investigação participativa (audio)visuais, que têm facilitado a partilha do seu conhecimento local e das suas experiências com alterações ambientais críticas com o público mais alargado (i.e., exposições de fotografia, documentários)​ e decisores políticos locais.​

Publicações Salientes

Roque de Pinho, J. & Galvin, K. (2015). “Maasai Voices on Climate Change (and other changes too)”: Participatory video and communication about environmental changes in the East African rangelands. In Brites, M. J., Correia Santos, S. & Jorge, A. (eds.), Metodologias participativas: Os media e a educação (pp. 235-248). LabCom Books.

Roque de Pinho, J., Grilo C., Boone, R. B., Snodgrass, J. G. & Galvin, K. A. (2014). Influence of aesthetic appreciation of wildlife species on attitudes towards their conservation in Kenyan agropastoral communities. PLoS ONE (2), e88842. DOI: 10.1371/journal.pone.0088842

Roque de Pinho, J. (2013). Shooting Climate Change in the Maasai Mara: Aesthetics and Expectations in Participatory Filmmaking with Kenyan Pastoralists. Anthropology Now 5 (2), 74-86. DOI: 10.5816/anthropologynow.5.2.0074

Goldman, M. J., J. Roque de Pinho, J. & J. Perry. (2013). Beyond Ritual and Economics: Maasai Lion Hunting and Conservation Politics. Oryx 47 (04), 490-500. DOI: 10.1017/S0030605312000907

Roque de Pinho, J. (2011). Maasai Voices on Climate Change (and other changes, too). (Society for Visual Anthropology’s 2013 Jean Rouch Award for Collaborative Filmmaking).

Publicações

de Pinho, J.R. (2016) "Portraits of change by farmers in Southern Guinea-Bissau", Visual Ethnography, 5 (1), 161-185.

de Pinho, J.R. (2016) "Beautiful and Ugly Animals in Kenya Maasailand: Why beauty matters for biodiversity conservation in Africa", Progress 2 - Ciências Sociais e Desenvolvimento em África, Lisboa: CEsA-ISEG, 96-117.

de Pinho, J.R., K. Galvin (2015) "“Maasai Voices on Climate Change (and other changes too)”: Participatory video and communication about environmental changes in the East African rangelands", In Brites, M. J., Jorge, A. & Correia Santos, S., (eds.) Metodologias participativas: Os media e a educação , (pp. 235-248). LabCom Books.