«Este livro apresenta os resultados de uma investigação sobre as relações da guerra, pós-guerra e pobreza nos PALOP. Reúne investigadores seniores e juniores, portugueses e africanos, contribuindo assim para a produção científica comum, a formação avançada e a aprendizagem mútua.» (in Prefácio, Jochen Oppenheimer)

Disponível em: www.sextanteeditora.pt

Table of Contents

Jochen Oppenheimer
Prefácio

Cristina Udelsmann Rodrigues e Ana Bénard da Costa
Introdução

PRIMEIRA PARTE – Angola em guerra e em Paz

Ricardo Sousa
A natureza dos partidos nas perspectivas de partilha de poder nos processos de paz em Angola

Carlos Manuel Lopes
Que efeitos da paz na redução da pobreza? Uma perspectiva a partir dos dados empíricos recolhidos nas cidades do Huambo e Luanda

Aline Afonso Pereira
«Criamos as mínimas condições»: sobrevivência no pós-conflito das vendedoras do mercado informal de Luanda

Emanuel Lopes
Reflexões sobre a pobreza das populações descolacadas

SEGUNDA PARTE – A guerra, a pobreza e a paz em Moçambique

João Paulo Borges Coelho
A «Literatura Quantitativa» e a interpretação do conflito armado em Moçambique (1976-1992)

Ana Bénard da Costa
Moçambique: pobreza em guerra e pobreza em paz

TERCEIRA PARTE – Reflexões em torno da pobreza, dos conflitos e da violência: os casos da Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe e Cabo Verde

Cristina Udelsmann Rodrigues e Alfredo Handem
Pobreza e paz (intermitente) na Guiné-Bissau

Augusto nascimento
A difícil luta contra a pobreza em São Tomé e Príncipe

Augusto Nascimento
«Pobreza…, claro que nós temos» Apontamentos para a análise da consciência institucional em torno da pobreza e de microviolência em contextos cabo-verdianos