Academic Qualifications

Mestrado em Estudos Africanos, 2013 – ISCTE-IUL, Lisboa, Portugal

Licenciatura em Etnologia e Antropologia da Cultura, 2001 –  Universidade de Varsovia, Varsovia, Polónia

Biographical Information

Doutoranda em Estudos Africanos (ISCTE-IUL), mestre em Estudos Africanos (ISCTE-IUL), licenciada em Etnologia e Antropologia da Cultura (Universidade de Varsóvia), concluiu Conservatório Nacional de Música. Produtora cultural, especialiazada nas áreas de música e dança. Foi investigadora no Centro de Estudos Africanos, participou no projecto “Organizações e Representação na Economia Informal nos PALOP: experiências e perspectivas” (REF: PTDC/AFR/113992/2009). Desenvolveu trabalho de terreno em Cabo Verde, São Tomé e Príncipe e na Guiné-Bissau. Além dos processos de organização dos trabalhadores informais nestes países, fez pesquisa sobre transporte informal (São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau), artistas e artesãos como trabalhadores informais (Cabo Verde, São Tomé e Príncipe), música (São Tomé e Príncipe). Actualmente tem como principais áreas de interesse a música africana e ainda a história, a cultura e as transformações socioculturais de São Tomé e Príncipe. Está a redigir a tese de doutoramento “Música em São Tomé e Príncipe do colonialismo para independência”.

Key Publications

Bialoborska, Magdalena (2014), “Dinâmicas e constrangimentos nos processos de organização dos trabalhadores informais na Guiné-Bissau“, Revista Angolana de Sociologia, 14, pp. 91-111.

Bialoborska, Magdalena (2013), “Sabura de San Jon. Reflexões sobre a Festa de San Jon na Ilha de Santo Antão em Cabo Verde”, The Scientific Journal of Humanistic Studies, ISSN 2066-8880.

Publications

(2013) Processos de organização na economia informal em Cabo Verde: estudo de caso sobre a Associação de Artesãos de Mindelo CAMIN, Lisboa: ISCTE-IUL.